Evangelização e Entretenimento para Jovens Cristãos e Não Cristãos.

Pregador sobrevive a acidente de carro e diz que foi salvo por um ‘anjo’

Depois de sofrer um grave acidente de carro, um jovem pregador  sobreviveu com a certeza de que foi ajudado por um anjo. “Ninguém teria conseguido tocar aquele carro. Eu não poderia ter sobrevivido”, afirmou o pregador John Boston.

Ele estava dirigindo em uma rodovia de em Columbus, no estado norte-americano de Ohio, em abril de 2015, quando um carro cruzou a pista central e veio em direção ao veículo do pastor.

John desviou o veículo, perdeu o controle e colidiu com um poste de energia elétrica. Um transformador energizado caiu em seu carro e, imediatamente, a estrutura do automóvel começou a se deteriorar devido o calor intenso.

“O para-brisa estava derretendo e a janela do passageiro estava dobrando”, lembra John. Dias antes do acidente, ele havia iniciado sua jornada como pregador  na Igreja Adventista do Sétimo Dia e se mudou para Colombo, junto com sua esposa, Carla, e sua filha de quatro anos, Riley.

No momento do acidente, John lembra que o cinto de segurança estava preso e a porta não se abria. Foi quando um “estranho” apareceu e, segundo ele, abriu facilmente a porta esmagada. O homem retirou John do carro e o levou a 20 metros de distância do veículo para manter sua segurança. Instantes depois, o carro sofreu uma explosão.

“Ele disse: ‘Meu nome é Johnny. A polícia está vindo e eu não posso estar aqui quando eles chegarem, mas você vai ficar bem’. E então o homem foi embora”, relata o pregador. Os bombeiros chegaram no local e encaminharam John para um hospital, onde foi tratado com pequenas lesões.

Depois de contar sua experiência, o jovem foi questionado sobre o homem misterioso. Muitas pessoas tentaram racionalizar a situação, sugerindo que “Johnny” conseguiu encostar  no carro porque o disjuntor foi desligado e tenha fugido da polícia por ter um passado de crimes.

No entanto, até mesmo os bombeiros reconhecem que alguns aspectos dessa situação desafiam a lógica, a razão e a ciência.

“Com um transformador no carro, essa seria provavelmente uma das piores execuções que nós poderíamos fazer”, disse um bombeiro à rede americana FOX8 WJW.

No entanto, no caso de John, tanto ele como “Johnny” saíram ilesos. “Isso me dá arrepios”, disse outro bombeiro.

“Eu não acredito que os anjos vêm até nós com asas e roupões brancos, com luzes brilhantes ao redor. Acho que eles vêm como ajuda, e foi isso que eu tive naquele dia”, conclui John.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DE FOX 6 NOW

Compartilhe:

Artigos Relacionados: