Evangelização e Entretenimento para Jovens Cristãos e Não Cristãos.

Jovem passa sete anos orando pelo futuro marido e tem surpresa inesquecível no casamento.


Como muitos cristãos solteiros, esperar e pensar sobre quem Deus escolheu para ser seu cônjuge para toda a vida, a jovem Tami Acree compartilhou sua bela história de amor, que começou há sete anos com a simples compra de uma gravata, antes mesmo dela começar a namorar o rapaz.

“Quando eu era um estudante do segundo ano na faculdade, fui desafiada a comprar uma gravata e pendurá-la em meu quarto para me lembrar de orar pelo meu futuro marido”, Acree explicou.

“Durante 7 anos, a gravata ficou pendurada na minha cama ou no meu espelho e, por mais vezes do que posso contar, isso me levou a orar, para que Deus desse encorajamento, maturidade e desenvolvesse espiritualmente meu futuro marido, para ele um dia se tornar o homem de Deus que eu desejava”, acrescentou.

Mesmo depois que começou a namorar aquele que se tornaria seu marido posteriormente, Tami não deixou de orar e não tirou a gravata de seu quarto.

Já na noite anterior ao dia de seu casamento, a jovem lembrou o “significado muito especial” e seu desejo de dar aquela gravata ao homem pelo qual ela tanto orou.

“Na noite antes do nosso casamento, eu estava com minhas amigas e fomos colocar dar a gravata a ele. Então percebemos que ela era azul marinho, cinza e rosa. As três cores do nosso casamento!”, explicou

A coincidência não foi proposital, acrescentou Acree, mas se somou a uma certeza que ele sempre teve em seu coração.

“(Deus) sabia antes mesmo de eu ter comprado aquela gravata há 7 anos, que Caleb era o homem pelo qual eu estava orando e Ele o orquestrou tudo em Seu tempo perfeito!”, contou.

“Eu não a pedi para Caleb usá-la. Eu simplesmente a dei a ele, da maneira que eu sempre quis fazer (antes do casamento)”, afirmou.

Porém a decisão de seu marido em usar a gravata que carregou tanta história emocionou Tami.

“Enquanto eu estava andando em direção a ele na igreja, uma das coisas que eu sempre me lembrarei é ver Caleb usando a gravate que lhe dei uma noite antes de nosso casamento”, disse ela.

Tami compartilhou seu testemunho em uma postagem da página “Love What Matters” (“Ame o que Importa”) e já teve mais de 47 mil curtidas, 1,5 milhão de comentários e 8 mil compartilhamentos.

 

FONTE: .GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO FAITH WIRE

Compartilhe:

Artigos Relacionados:

  • Márjorie Westermann

    Linda história!!! “O coração do homem pode fazer planos, mas a resposta certa dos lábios vem do SENHOR.” (Pv 16:1)
    Quantos jovens e casais, hoje, precipitam em sua decisão, sem buscar a direção do Senhor! Essa história nos traz uma reflexão… vale a pena buscar, esperar e confiar em Deus! Ele sempre saberá o que é melhor para os seus filhos!

  • Fabiana de carvalho guerra

    Oh, gente, parem de achar que tudo é milagre!
    A garota escolheu as cores da gravata para o casamento porque ficou sete anos olhando para a gravata. Não foi proposital, foi inconsciente, mas foi uma decisão dela.
    Depois, na véspera do casamento ela foi lá e entregou a gravata para o noivo, e ele não a usaria?
    Parem de se iludir.

    • Amando Lourenço

      Vai ver q é porq vc não acredita q Deus pode operar um milagre pra encontrar um parceiro q dê certo q vc não encontrou um ainda.

      • Fabiana De Carvalho Guerra

        Primeiramente, você pode provar que sua opinião está errada observando que pessoas que nem em Deus acreditam encontram “um parceiro que dê certo”.

        Segundo, eu te perdoo por dizer que só um milagre pra me desencalhar.

  • Lorena Mattos

    Que dê tudo certo em nome do Senhor Jesus!!