Evangelização e Entretenimento para Jovens Cristãos e Não Cristãos.

Anúncio de Corte de Gatos do Carnaval do Rio Gera Polêmicas e Protestos

Integrantes de escolas de samba protestam após corte anunciado pela Prefeitura (Foto: HEnrique Coelho/G1)

O prefeito Marcelo Crivella (PRB), do Rio de Janeiro, gerou grande polêmica ao anunciar que vai cortar metade da verba destinadas às escolas de samba do Grupo Especial.

Segundo ele as verbas que iriam ser destinadas as Escolas de Samba do grupo Especial do Rio, seria melhor investido nas Creches. Segundo ele, a ideia é dobrar a diária, de 10 a 20 reais, paga por criança, melhorando a alimentação e o material fornecido pelas instituições de ensino infantil.

Isso gerou alvoroço entre os lideres das escolas de samba e levou muitos deles a afirmarem que por trás disso há um grande “fundamentalismo religioso” pois o prefeito também é bispo licenciado da Igreja Universal do Reino de Deus. Ao jornal Folha de S.Paulo, o vereador David Miranda (PSOL) afirmou que “o prefeito está deixando as convicções religiosas interferirem”.

Em uma enquete da Revista VEJA, onde fizeram a seguinte pergunta: “Crivella faz bem em cortar a verba para as escolas de samba pela metade, de R$ 24 para R$ 12 milhões?, a maior parte dos que responderam a pesquisa apoiam o prefeito, isso mostra o conservadorismo de certa parte da população mostrando o caminho correto deste corte de gastos.

FONTE: veja, folha, g1.

Compartilhe:

Artigos Relacionados: