Evangelização e Entretenimento para Jovens Cristãos e Não Cristãos.

11 Princípios bíblicos para se tornar um amigo melhor.

11 Princípios bíblicos para fazer e manter amigos de verdade:

1. Tome a iniciativa ( Atos 18: 1-4 ) – Uma das minhas amigas mais próximas, de longa data, me escolheu para ser sua amiga antes mesmo de me dar conta dela. Janet e sua família eram novos para nossa cidade, então quando eles se juntaram à nossa igreja ela queria fazer amigos. Ela se apresentou a mim e imediatamente começou a buscar uma amizade. Janet me ensinou a tomar a iniciativa. Sim, pode ser arriscado, mas as recompensas podem ser grandes!

2. Praticar o perdão ( Colossenses 3:13 ) – Os verdadeiros amigos não guardam rancor nem se lembram das ofensas. Em vez disso, eles são flexíveis e rápidos para perdoar. Contemplar o perdão de Deus pode nos ajudar quando lutamos para perdoar os outros.

3. Guarda a tua língua ( Provérbios 16:28, Efésios 4:29 ) – Lábios frouxos arruinam muitas amizades. Palavras descuidadas ferem sentimentos. Gossip promove a divisão. Confianças quebradas destroem a confiança. Antes de falarmos, vamos fazer uma pausa para considerar se nossas palavras irão derrubar ou construir.

4. Seja um “bom” amigo ( Efésios 4: 2-3 )  – O caráter semelhante a Cristo promove amizades profundas e duradouras. Qualidades como humildade, mansidão, paciência e resistência criam uma base sólida sobre a qual construir amizades ao longo da vida.

5. Estender a hospitalidade ( 1 Pedro 4: 9 , Provérbios 25:17 ) – Às vezes somos rápidos em aceitar a hospitalidade, mas um pouco mais lento para dar. Vamos fazer tempo para não só convidar nossos amigos para nossas casas, mas também para fazê-los sentir bem-vindos. Por outro lado, Provérbios 25:17 nos adverte contra aproveitar a hospitalidade do nosso amigo.

6. Permaneçam próximos nos tempos difíceis ( Provérbios 17:17, Provérbios 27:10, Romanos 12:10 ) – Um verdadeiro amigo permanece leal quando o problema vem. Mesmo se outros “amigos” caem afastado permanecem devotados e ajudam em toda a maneira possível.

7. Cultive-os ( Efésios 5:21, Filipenses 2:3-4, Romanos 12:10 ) – As amizades se secarão sem uma contínua efusão de tempo, atenção e recursos. Vamos mostrar aos nossos amigos que cuidamos de suas necessidades e seus interesses com atos de bondade e generosidade proposital. Nossas amizades florescerão.

8. Ouça-os ( Tiago 1:19 ) – É preciso muita prática para manter as bocas fechadas e realmente ouvir o que os outros estão dizendo. Mas este hábito vale a pena desenvolver. Quando os outros se sentem “ouvidos”, eles se sentem valorizados.

9. Afie-os ( Provérbios 27:6, Provérbios 27:17, Colossenses 3:16, Hebreus 10:24 )  – O melhor tipo de amigo não é meramente um “sim”. Amigos piedosos cutucam os outros mais perto de Jesus.

10. Ore por eles ( Jó 16: 20-21 ) – Nossos amigos precisam de nosso apoio à oração. Não apenas orações casuais, ocasionais, mas fervorosa intercessão com Deus em seu favor.

11. Ama-os ( João 13:34, João 15:3, 1 Coríntios 13: 4-8, 1 João 4:7 ) – Isto é realmente mais difícil do que poderíamos pensar. Deus nos chama a amar nossos amigos como Jesus nos ama – não em mera palavras, mas com ações intencionais de amor que muitas vezes podem nos custar alguma coisa.

VEJA TAMBÉM: 3 PASSOS PARA FALAR COM DEUS.

FONTE: crosswalk.

Compartilhe:

Artigos Relacionados: